Equipa Principal

Varzim deixa vitória escapar em Joane

Foi uma tarde inglória aquela que a nossa equipa viveu em Joane, este domingo, no jogo da 5.ª jornada da fase de manutenção do campeonato nacional de séniores (série B), que terminou com um empate a duas bolas, sofrido pelo Varzim nos instantes finais da partida.
Em casa de um adversário que almejava os três pontos com a mesma determinação e necessidade, os Lobos do Mar apresentaram um jogo agressivo e confiante e, aos 22 minutos, conseguiram colher frutos dessa postura. Vítor Hugo que já havia ameaçado, minutos antes, a baliza do Joane, fez o 1-0 com um cabeceamento ao segundo poste.
Dois minutos depois do golo que colocou o Varzim em vantagem no jogo, o treinador Alexandre viu-se obrigado a consumir uma das substituições por lesão de Agostinho, tendo Gaspar assumido o lugar no centro da defesa.
Apesar da reacção do Joane ao golo sofrido e que teve maior expressão num remate à barra ao minuto 38, os poveiros conseguiram preservar a vantagem até ao intervalo e partir para a segunda parte com uma maior motivação.
A atitude manteve-se e, aos 54 minutos, Vítor Hugo, em resposta a um cruzamento na esquerda de Telmo, bisou na partida.
Com a vantagem ampliada, estavam reunidas as condições para o Varzim cimentar a primeira vitória nesta fase de manutenção, mas contra todas a expectativas, as circunstâncias jogo opuseram-se à nossa equipa.
Aos 70 minutos, Alexandre foi novamente forçado a mexer na equipa, desta feita, devido à expulsão de Gaspar por acumulação de amarelos. Gilberto saiu para entrar Diogo Serra.
O Varzim, reduzido a 10 unidades, passou a ter mais dificuldades em travar a equipa adversária que fez do futebol directo a sua arma para evitar o pior desfecho.
Aos 83 minutos, Cassamá reduziu para 1-2 e colocou os Lobos do Mar numa situação mais frágil e desconfortável.
Ainda assim, o Varzim foi-se aguentando mas, sem se perceber porquê, o árbitro – que ao longo do jogo teve uma actuação pouco isenta, concedeu 5 minutos de tempo extra que, na verdade, se estenderam a 7 e foi precisamente no segundo minuto a mais que o Joane, num remate cruzado de Diogo Brandão, fez o 2-2.
Um autêntico balde de água fria para a nossa equipa que já vinha a protestar o facto de o árbitro não apitar para o final da partida. Alexandre acabou inclusivamente por ser expulso.
O Varzim está actualmente com 18 pontos; mais um ponto do lugar da liguinha e dois da zona de despromoção.

Comentários

The Latest

Quis autem vel eum iure reprehenderit qui in ea voluptate velit esse quam nihil molestiae consequatur, vel illum qui dolorem?

Temporibus autem quibusdam et aut officiis debitis aut rerum necessitatibus saepe eveniet.

Todos os Direitos Reservados © 2014 - Desenvolvido por Miguel Moleiro

Topo