Seniores

“O desafio é grande mas não me assusta”

Fernando Valente orientou, na manhã desta quarta-feira, o primeiro treino da nossa equipa profissional, juntamente com os seus adjuntos, Luís Manuel e Francisco Matos (preparador físico).

No final da sessão de trabalho, que teve lugar no Complexo Desportivo Municipal, o novo treinador dos nossos Lobos do Mar apresentou-se aos jornalistas com o director desportivo e restante equipa técnica, dando a conhecer as razões pelas quais aceitou este novo desafio na sua carreira e as suas expectativas para o mesmo.

Fernando Valente respondeu a todas as questões colocadas pelos jornalistas presentes, passando uma mensagem positiva.

Esquecer o passado recente e trabalhar o presente é um dos motes do novo treinador varzinista que assume como objectivo colocar a equipa a jogar bom futebol.
“O desafio é grande mas não me assusta. Os contextos por onde eu tenho passado nunca foram fáceis e por isso estou preparado”, começou por dizer.

“Sou um fanático pelo jogo de equipa. Tenho ideias e uma vontade enorme de vencer. Acredito que posso fazer algo de diferente no Varzim e isso dá-me força. E sei também que há uma vontade enorme de dar a volta à situação e de crescer”.

O novo treinador conhece bem o seu novo Clube, bem como o seu historial e “acordar a massa poveira”, através do trabalho que vai realizar com a sua equipa é um dos seus maiores desejos.
“A história do Varzim é feita de jogo com muita qualidade. Infelizmente não é o que tem acontecido nos últimos anos, mas não é só aqui, é no futebol português (sou um crítico nisso, acho que o jogo está muito pobre). Mas isso não me assusta. Tenho as minhas ideias e sei que os meus jogadores vão ser influenciado por elas”, refere.

A forma como se chega à vitória é o foco deste treinador que privilegia também o trabalho mental do jogador.

“É comum dizer-se: a equipa tem que ganhar para ficar mais confiante; o avançado tem que marcar golos para ganhar confiança.
É o contrário!
A equipa tem que ganhar confiança para ganhar mais vezes. O avançado tem que ganhar confiança para fazer mais golos. Como se chega a isso? Trabalho mental.

 

Foto: José Gageiro

“O desafio é grande mas não me assusta”
Comentários

Quis autem vel eum iure reprehenderit qui in ea voluptate velit esse quam nihil molestiae consequatur, vel illum qui dolorem?

Temporibus autem quibusdam et aut officiis debitis aut rerum necessitatibus saepe eveniet.

Todos os Direitos Reservados © 2014 - Desenvolvido por Miguel Moleiro

Topo